Pages

domingo, 28 de maio de 2017



Texto adaptado do  livro "Lealdade e Deslealdade" de Dag Hewaerd-Mills.


A bíblia nos fala que Judas viu que tinha feito bobagem depois que traiu Jesus Pequei, traindo o sangue inocente...” (Mateus 27: 5). Mas será que ele se arrependeu mesmo? Primeiro vamos ser justo e dizer que Judas não foi o único traidor. Isso mesmo. Onde estavam os outros discípulos quando Jesus estava sendo crucificado? Em João 19: 25- 26 a bíblia nos conta que apenas João estava diante da cruz junto com Maria Madalena e Maria, mãe de Jesus. E o que dizer de Pedro? Ele negou Jesus 3 vezes, se envergonhou do seu mestre.  Porém por que Pedro teve um destino diferente de Judas? Judas após confessar aos sumos sacerdotes que havia traído sangue inocente, foi se enforcar.
         Ele admitiu que tinha feito algo errado, isso não é arrependimento?  A resposta é não, isso não é arrependimento. Judas não foi considerado alguém arrependido por um simples motivo: Judas admitiu que estava errado, mas não refez seus passos. Arrepender-se significa dar a volta e mudar. Judas nunca mudou. Judas não correu para Jesus para pedir perdão para confessar que havia falhado. Ele só admitiu que estava errado e pulou para fora do barco e enforcou-se. Judas não quis ver e nem enfrentar ninguém. Ele não podia suportar olhar no rosto dos outros discípulos e admitir que estava errado. Admitir que pecou não é o mesmo que arrepender-se.
         Um exemplo de arrependimento é o demostrado por Zaqueu. Ele mais que confessou seu pecado a Jesus, ele fez questão de devolver quatro vezes mais tudo àquilo que ele tinha roubado, (Lucas 19: 8).  Jesus ao ver sua atitude declara tinha chegado salvação naquela casa. Existem muitas pessoas que estão fazendo de Jesus um chuveiro, pecam e logo pensam “Ah depois que peço perdão”. Estão totalmente equivocadas, arrependimento é mais do que pedir perdão, é estar disposto a mudar. Tenho visto pessoas dizer a respeito de um líder, que fez falcatruas em uma igreja e por conta disso foi excluído da mesma: “Ah ele agora é uma nova pessoa, ele mudou muito, nem parece o mesmo”. Pois é, mas eu não vi os frutos de arrependimento.  Roubou,  enganou pessoas, mas continua com o dinheiro e agindo as vezes até pior que antes. Dizer que mudou é fácil, difícil é reparar o que errou, se humilhar e olhar nos olhos daqueles com quem errou.
         Judas viu que tinha errado, mas não quis se humilhar perante Jesus. Que possamos parar de brincar de ser evangélico, devemos lutar para ser pessoas melhores, e quando errar se humilhar como Davi se humilhou e pranteou perante Deus e foi homem para encarar os frutos dos erros. Arrependimento é muito mais que pedir desculpas, é reparar os seus erros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O artigo foi útil? Deixe um comentário, uma sugestão contribua. Obrigado!

Reportagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...