Pages

domingo, 6 de janeiro de 2013

Espiritsmo: Isso é de Deus?

Resumo

O pseudônimo "Allan Kardec", segundo biografias, foi adotado pelo Prof. Rivail a fim de diferenciar a Codificação Espírita dos seus trabalhos pedagógicos anteriores. Segundo algumas fontes, o pseudônimo foi escolhido pois um espírito revelou-lhe que haviam vivido juntos entre os druídas, na Gália, e que então o Codificador se chamava "Allan Kardec".[2]
No 4º Congresso Mundial em Paris (2004), o médium brasileiro Divaldo Pereira Franco psicografou uma mensagem atribuída ao espírito de León Denis em francês (invertida) declarando que Allan Kardec fora a reencarnação de Jan Hus, um reformador religioso do século XV. Esta informação já foi dada em diversas fontes diferentes,[3][4][5][6] o que está de acordo com o Controle Universal do Ensino dos Espíritos, que Kardec definiu da seguinte forma: "uma só garantia séria existe para o ensino dos Espíritos - a concordância que haja entre as revelações que eles façam espontaneamente, servindo-se de grande número de médiuns estranhos uns aos outros e em vários lugares."

COMENTÁRIO

Se o espirtismo é o caminho, por que razão Jesus Cristo de Nazaré ressuscitaria? E o próprio mestre seria a reencarnação de quem? E revendo a história o primeiro homem que viveu na terra teria sido a reencarnação de quem? Cai por terra qualquer argumentação, apesar de ser sempre livre a manifestação do pensamento e do agir às devidas proporções de suas conseqüência e responsabilidades. Mas é de bom alvitre se pensar: Se esta doutrina é verdadeira, ela deveria estar fundamenta nos pergaminhos verdadeiros escritos pelo profeta Isaías, por Paulo de Tarso e tantos outros homens de Deus que deu origem ao livro dos livros, a Bíblia Sagrada; inspiração e palavra de Deus.
 
Vejamos o dia a Bíblia a respeito.
 
Lemos em Dt 18,9-14: "Não se achará no meio de ti quem pratique a adivinhação, o sortilégio, a magia, o espiritismo, a evocação dos mortos: porque todo homem que fizer tais coisas constitui uma abominação para o Senhor."

Lev 20,6-27: "Se uma pessoa recorrer aos espíritas, adivinhos, para andar atrás deles, voltarei minha face contra essa pessoa e a exterminarei do meio do meu povo." "Qualquer mulher ou homem que evocar espíritos, será punido de morte."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O artigo foi útil? Deixe um comentário, uma sugestão contribua. Obrigado!

Reportagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...